Imprimir
PDF

SASP deu apoio jurídico ao III Ato Nacional pela Educação

SASP 02APOIOEDUCACAOO III Ato Nacional pela Educação reuniu mais de 1,5 milhão de pessoas em todo o Brasil no dia 13 de agosto, e o Sindicato dos Advogados do Estado  - SASP participou ativamente da organização com um plantão jurídico durante a manifestação em São Paulo.

A iniciativa foi coordenada pelo Núcleo de Ações Emergenciais e Defesa dos Direitos Ameaçados (CDH) da OAB, em parceria com o SASP. Este grupo se constitui como observadores institucionais, fazendo a mediação entre os órgãos de segurança pública e os manifestantes. O resultado é que os atos foram realizados praticamente sem conflitos graves, graças às intervenção de advogados e advogadas que ficaram atentos e intervieram sempre que necessário.

Participaram desse esforço, pelo SASP vários diretores e associados no plantão jurídico e nas manifestações, entre os quais Vagner Patini, Arnóbio Rocha, Mercedes Lima, Francisco Patriota, Sérgio Augusto, Luzia Paula Cantal, Sérgio Bernardo, Alexandre Trevizano, e Rodrigo Frateschi, entre outros.

O presidente do SASP, Fábio Gaspar destacou a atuação do sindicato e parabenizou "a todos e todas que se mobilizaram no Ato Nacional pela Educação e contra a Reforma da Previdência". Segundo ele, "advogados e advogadas empenharam no evento, dando assistência em conflitos, e atuando também de forma militante para engrossar a manifestação, em mais uma demonstração de unidade deste grupo de colaboradores admiráveis do SASP de da OAB", destacou.

  SASP 01

(Comunicação SASP)

 

 

advogados sindicalizados

expressao popular uneafro grito dos excluidos assembleia popular