Imprimir
PDF

Passe Livre realizará em frente à casa de Doria segundo ato contra alta da tarifa

passe livreMovimento marca nova manifestação para a quarta-feira (17). Mobilização teve início ontem, com passeata pelas ruas do centro da capital

São Paulo – O Movimento Passe Livre divulgou data e local do segundo ato contra o aumento da tarifa de ônibus de São Paulo, em vigor desde domingo (7). Será na próxima quarta-feira (17), em frente à casa do prefeito, João Doria (PSDB).

Na tarde desta quinta-feira (11), cerca de 10 mil pessoas, segundo os organizadores, marcharam pacificamente pelo centro da capital no primeiro ato contra o reajuste, que elevou a tarifa de R$ 3,80 para R$ 4, reajuste de 5,26%.

Durante o ato, Francisco Bueno, porta-voz do Passe Livre, afirmou que o movimento continuará a resistência, com ou sem repressão policial. "Não sairemos das ruas enquanto aumento não for revogado."

advogados sindicalizados

expressao popular uneafro grito dos excluidos assembleia popular