O Sindicato dos Advogados do Estado de São Paulo e o Grupo Prerrogativas, repudiaram nesse sábado, 04, a Deliberação 8 de 3/4/2020 do Comitê Administrativo Extraordinário Covid-19 do Estado de São Paulo, que suspendia a quarentena dos escritórios de Advocacia e de Contabilidade, permitindo advogados e contadores retornem suas atividades.

Devida a repercussão da nota do SASP e do Grupo Prerrogativas o governo paulista voltou atrás e cancelou a decisão mantendo o período de reclusão para essas categorias.